Lista de comparação

Assembleia on-line: nova aliada em tempos de isolamento social com o coronavírus

Assembleia on-line: nova aliada em tempos de isolamento social com o coronavírus

Com a pandemia do novo coronavírus e a recomendação de isolamento social, a assembleia virtual se tornou uma grande aliada dos síndicos. Com apoio do setor jurídico da Irigon Administradora Imobiliária, as assembleias de condomínios passam a ocorrer via aplicativo, usado por moradores por celular ou computador. A tendência é que essa modalidade tenha número cada vez maior de participantes.

Enquanto as medidas de combate à aglomeração estiverem mantidas, as reuniões on-line ajudam os condomínios a manterem suas rotinas administrativas como, por exemplo, eleição de novos síndicos. “Com a situação atual, aumentou o número  de solicitações de assembleias virtuais e estamos orientando nossos condomínios como realizar a reunião de forma segura e válida. Todos os atos devem ser seguidos à risca, conforme previsto em lei. E por ser uma inovação, torna-se fundamental a assessoria de advogados experientes neste segmento para evitar futuras nulidades”, explica a advogado Gabriel Coelho, responsável pelo setor jurídico da Irigon Administradora Imobiliária.

Ele ainda alerta sobre a importância da aprovação dos proprietários dos imóveis. “A assembleia virtual pode deliberar sobre todos os temas, desde que a ferramenta tecnológica utilizada permita o debate e contabilização dos votos. Por isso, estamos tomando a precaução de pegar a concordância de todos os condôminos. Vale ressaltar que, obrigatoriamente, a reunião terá que ser gravada, e todas as falas transcritas para ratificação e registro no cartório, conforme já ocorre na assembleia presencial”, esclarece Gabriel.

Aumento da participação, melhora na convivência e mais objetividade. Essas são algumas das vantagens das reuniões virtuais. “Acredito que mais condomínios vão adotar esta prática pós-pandemia. E é importante destacar que a assembleia virtual é uma alternativa legal, se seguir as cláusulas previstas em lei”, diz o advogado. Mas para adotar a modalidade on-line, o ideal é que todos os condôminos estejam aptos para usar a ferramenta digital. Por isso, é preciso que a administração ofereça auxílio àqueles que não têm tanta familiaridade com a tecnologia, em especial os idosos.

 

Artigos relacionados

Bate-papo aborda a flexibilização da abertura das áreas comuns em condomínios 

A reabertura das áreas comuns dos condomínios entrou, recentemente, na quarta fase do protocolo...

Continue lendo

Comunicado

Caros Clientes, Conforme notícias amplamente divulgadas, a pandemia de covid 19 segue assolando...

Continue lendo

Coronavírus – comunicado de atendimento

Seguindo as recomendações do Ministério da Saúde de evitar aglomerações e circulação de...

Continue lendo
WhatsApp Fale com a Irigon